sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Menina das meias trocadas

Guarde minhas meias
Como a minha saudade
Guarde o gosto do meu beijo
Com o cheiro da minha vontade

Menino de all star
Com o jeito meigo no sorriso
Com as mãos de um amante
E a perfeita pureza que carrega no olhar

És leve como o vento, grande como o mar
E tem asas de pássaros alegres
Perdidos no mundo,
Entregues ao tempo, soltos ao ar

Menino de xadrez,
Com sonhos não tão meninos
Beleza na trágica juventude
No teu cenho liso, solidez

Amo como os poetas amargos
Que somem durante o dia
E à noite, no entanto
Me entrego aos teus encantos.

E sonho contigo, corro perigo.
Meu pranto.

2 comentários:

  1. caralhoo!! vou imprimir e botar no meu quarto.
    amei, amei.

    ResponderExcluir
  2. Nooooooooooooooooooooooooooooooooooooossa
    Só tu mesmo minina
    bj

    ResponderExcluir